CULTURA COM ESSÊNCIA

CULTURA COM ESSÊNCIA

"Crimes em Happytime" junta Melissa McCartney e um bando de bonecos de pelúcia da pesada!


Antes que a criançada corra pedindo para assistir o filme, a classificação não é recomendada para menores 16 anos. .“Crimes em Happytime” (The Happytime Murders) é dirigido por Brian Henson (“Os Muppets na Ilha do Tesouro” e “O Conto de Natal dos Muppets”) com roteiro de Todd Berger. Dessa vez o filho do criador dos Muppets Jim Henson, retrata uma realidade fictícia na qual humanos convivem com bonecos.  

( Uma dupla nada convencional)


O longa, protagonizado por Melissa McCarthy, resgata os clássicos puppets. Na trama, a policial Connie (McCarthy) e o detetive Phil Phillips, um fantoche, precisam desvendar o assassinato dos personagens de uma famosa série de TV infantil, exibida nos anos 80.


( Melissa McCartney é a policial Connie Edwards que não leva desaforo para casa)

( Maya Rudolph é a fiel Bubbles e Joel McHale é o agente Campell do FBI)

Sinopse
Em um mundo onde humanos e fantoches convivem, Phil Phillips é um ex-policial que agora trabalha como detetive particular. Após seu irmão ser assassinado, ele descobre que o responsável é um serial killer que pretende eliminar todos os integrantes do "The Happytime Gang", série de TV de grande sucesso nos anos 80. Juntamente com sua ex-parceira, a detetive Edwards (Melissa McCarthy), ele precisa capturá-lo antes que faça uma nova vítima.

( Elizabeth Banks é Jenny estrela de um famoso programa exibido nos anos 80)

A  essência do filme

Uma miscelânea de comédia, film noir (expressão francesa para subgênero policial), Melissa McCartney, palavrões, traições, cenas explicitas de sexo entre os bonecos (...) e um serial killer disposto a acabar com todos os integrantes de uma famosa série de sucesso dos anos 80. Claro, que existe um drama e traumas na vida do boneco protagonista e um certo mal-estar com sua antiga parceira. Phil Phillips é solitário mas o retorno de Connie, desperta um desejo e a dupla volta a atuar juntos nessa investigação. Apesar de muita apelação sexual (na  minha opinião), o filme garante algumas risadas. A cena entre um polvo e uma vaca e a cruzada de perna imitando Sharon Stone, acaba entrando na mente. Propositalmente a vida entre  bonecos e humanos não resultou uma convivência totalmente pacífica, há discriminação e racismo que dá até pena do bonequinhos. Enquanto a Melissa McCartney, confesso que "Crimes e Happytime", tirou um pouco do brilho dessa talentosa atriz que já possui um currículo de filmes hilários.  

Assista o trailer




“Crimes em Happytime” tem ainda no elenco Elizabeth Banks, Maya Rudolph, Joel McHale e Leslie David Baker. O filme estreia no Brasil em 27 de setembro, com distribuição da Diamond Films.  Classificação 16 anos.




Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.